Galaxy S21 Ultra
Divulgação/Samsung
Galaxy S21 Ultra

O Samsung Galaxy S22+ pode chegar ao mercado com uma bateria menor que a do Galaxy S21+. O aparelho deve ter capacidade de 4500 mAh em comparação aos 4800 mAh do seu antecessor. O modelo seria o EB-BS906ABY, o mesmo utilizado na linha Galaxy S21 e S20 FE.

As informações foram divulgadas pelo Android Community a partir de uma fonte interna da indústria. Se comprovada, a bateria marca uma mudança no posicionamento da Samsung que costuma aumentar a capacidade dos seus dispositivos a cada geração.

Os motivos para esta mudança, no entanto, podem ir além dos interesses da fabricante, envolvendo a escassez de componentes no mercado de manufatura, ou talvez a fabricante coreana não veja mesmo necessidade nesta expansão, considerando que a tecnologia de carregamento rápido está cada vez mais eficiente e popular.

Você viu?

O investimento crescente da Samsung na fabricação de telas também contribui para a economia de energia dos smartphones. O Galaxy Z Fold 3, por exemplo, usa tecnologia de exibição Eco OLED que consome menos energia, aumentando a duração de sua bateria. Além disso, outros aparelhos intermediários como a linha Galaxy A22 também apresentam evolução no desempenho energético, com capacidade de uso de 25 horas.

Galaxy S22 somente em 2022

Com a chegada dos modelos dobráveis, nas próximas semanas, o Samsung Galaxy S22 deve ser o próximo grande lançamento da fabricante no mercado de smartphones. Ele deve ser a aposta da fabricante para o primeiro semestre de 2022.

Seguindo a tradição da linha Galaxy S, o flagship deve chegar em três versões: a padrão, Plus e Ultra, com telas de 6,6 polegadas, 6,55 e 6,81 polegadas, respectivamente. Ele não deve seguir a tendência adotada pela linha Z Fold em utilizar câmeras sob a tela.

Apesar disso, assim como o seu antecessor, o Galaxy S22+ também receberá suporte para a S Pen. O acessório será vendido separadamente.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários