Tamanho do texto

Usuário da rede social precisa informar endereço para ter acesso a uma lista dos representantes da sua região; função está disponível apenas nos EUA

Em seus planos para se tornar uma rede social com mais engajamento político, o Facebook apresentou um novo recurso para permitir que os usuários tenham um contato mais próximo com políticos na esfera municipal, estadual e federal. Conhecida como "Town Hall" (ou "Prefeitura", em uma tradução literal), a função poderá ser habilitada por meio do menu da plataforma em dispositivos móveis e está disponível somente para os usuários dos Estados Unidos.

Leia também: "Avisos"no Facebook e falsos apps: veja boatos que circularam pela internet

Para ter acesso à novidade, o usuário precisa informar seu endereço – o Facebook promete não compartilhar a informação com ninguém – para encontrar os políticos da sua região. Em seguida, o aplicativo exibe uma lista com as informações de contato dos representantes, não apenas os mais conhecidos, como presidente e senadores, mas também os eleitos para as casas municipais e estaduais. Como o recurso utiliza as páginas dos políticos na plataforma, eleitores de cidades menores podem não ter acesso aos dados de representantes locais que não mantêm uma atividade na rede social.

Conhecido como Town Hall, recurso apresentado pelo Facebook exibe lista com informações de contato de políticos
Reprodução
Conhecido como Town Hall, recurso apresentado pelo Facebook exibe lista com informações de contato de políticos

Leia também: Waze e Spotify integram seus serviços para facilitar experiência dos usuários

Além de permitir que os usuários mandem uma mensagem pela rede social ou tenham acesso ao endereço de e-mail, quando disponível, a área oferece a opção de seguir a página para receber as principais atualizações do político. O site "TechCrunch", no entanto, lembra que o recurso poderia oferecer mais informações sobre os representantes, assim como outros sites desenvolvidos especialmente para isso, já que as informações são públicas e fáceis de encontrar. Ainda não há previsão de chegada da função para os usuários brasileiros.

O recurso, inclusive, não é a primeira tentativa da rede social de aproximar seus usuários da política. De acordo com o "TechCrunch", a plataforma costuma incentivar as pessoas a votarem em países que não exigem a participação do eleitor, com notificações, imagens no feed de notícias, além de mapas com locais de votação e opções de compartilhamento com mensagens como "Eu votei".

O Facebook também vem anunciando mudanças para combater a publicação de notícias falsas, que foram apontadas como fatores que interferiram no resultado das eleições presidenciais norte-americanas no ano passado. A rede social já liberou em alguns países uma sinalização para as publicações consideradas duvidosas . A marcação é feita por meio de uma pequena etiqueta vermelha acompanhada da mensagem "contestada" e um triângulo com um ponto de exclamação.

    Leia tudo sobre: Facebook Aplicativo
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.