Tamanho do texto

Índice fica maior quando o recorte é alterado para os usuários que têm entre 18 e 35 anos; neste caso, o YouTube é acessado por 96% da população online

YouTube é considerado fonte de aprendizado para 31% da população online brasileira
shutterstock
YouTube é considerado fonte de aprendizado para 31% da população online brasileira

Não é surpresa para ninguém que o YouTube faz sucesso em todo o mundo. Apesar disso, quando colocamos os números em nossa frente, conseguimos perceber quão estrondosa é a presença da plataforma de vídeos do Google na vida das pessoas.

Leia também: Google decide transformar YouTube Red e Play Music em um único serviço

De acordo com o relatório YouTube Insights, cerca de 95% da população online brasileira acessa o site pelo menos uma vez por mês. O índice fica ainda maior quando o recorte é alterado para pessoas que têm entre 18 e 35 anos: neste caso, 96% da população visita a plataforma. Além disso, 63% afirmam que não conseguiriam viver sem usar o site.

Ainda segundo informações do relatório, o tipo de conteúdo mais consumido na plataforma é o musical. Quando levado em consideração o público acima de 12 anos pertencente às classes A, B e C, o site tem a mesma audiência que o rádio brasileiro.

Leia também: YouTube decide remover ferramentas de edição de vídeo

Nas três classes, o consumo de conteúdo musical pode ser considerado massivo. Na classe A, o percentual é de 86% dos usuários, enquanto na B é de 83% e na C fica em 78%. Metade dos 10 vídeos mais vistos no Brasil em 2017, considerando o período até o mês de junho, são de música sertaneja.

Algo que contribui para o grande alcance da plataforma é que o site passou a ser cada vez mais utilizado como fonte de informação para muitos brasileiros. Entre as pessoas que fizeram parte da pesquisa, 59% afirmaram que preferem se atualizar pela plataforma do que assistindo notícias. Além disso, 31% disseram que o site pode ser considerado uma fonte de aprendizado.

O fato de ser considerado fonte de aprendizado para uma parcela dos usuários vai ao encontro de outro dado. A pesquisa indica que 79% dos entrevistados consideram que assistir tutoriais é uma opção melhor do que a leitura de instruções inscritas, indicando uma prevalência significante dos conteúdos em vídeo frente aos de texto.

Leia também: YouTube cria nova ferramenta para combater terrorismo na plataforma

Por mais que não aparente, os conteúdos voltados para a gastronomia também contribuem muito para o crescimento do YouTube. Um total de 68% da população online no Brasil assiste a vídeos de receitas na plataforma. Destes usuários, 66% têm entre 18 e 34 anos.

    Leia tudo sobre: YouTube
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.