Tamanho do texto

App ajuda a minimizar o uso de dados e oferece acesso em conexões lentas; lançamento pode fazer a rede social expandir sua presença em mais países

Com cerca de 3 MB na instalação, Twitter Lite é ideal para reduzir o consumo de dados móveis
Reprodução
Com cerca de 3 MB na instalação, Twitter Lite é ideal para reduzir o consumo de dados móveis

Os usuários do Twitter têm uma nova alternativa para criar publicações em até 280 caracteres. A rede social lançou nesta sexta-feira (1º) o Twitter Lite, um aplicativo cuja proposta é minimizar o uso de dados e oferecer acesso mesmo em conexões lentas. Com cerca de 3 MB no momento da instalação, o app ocupa menos espaço na memória do aparelho e já pode ser baixada na Google Play Store de 24 países, incluindo o Brasil.

Leia também: Confira os melhores aplicativos do ano para Android, segundo o Google

O Twitter Lite carrega rapidamente em redes 2G e 3G e oferece suporte mesmo se a conexão for interrompida de forma temporária. O aplicativo conta com um modo de economia, em que o usuário baixa somente as imagens e vídeos que deseja ver. Com isso, o consumo de dados diminui e a franquia contratada para seu smartphone ou tablet pode ser aproveitada de forma mais eficiente.

Leia também: Facebook poderá pedir selfie para confirmar que usuários não são robôs

De acordo com o Twitter, desde o lançamento em fase de testes nas Filipinas, em abril, o número de tuítes na versão mais leve para dispositivos móveis cresceu mais de 50%. Nesse intervalo, o aplicativo recebeu uma série de melhorias em seu desempenho, como a busca específica por GIFs, por exemplo. De acordo com o "TechCrunch", a alternativa pode ajudar a rede social a expandir sua presença em outros países.

Atualmente, a plataforma conta com cerca de 330 milhões de usuários em todo o mundo, sendo 80% deles fora dos Estados Unidos. O crescimento da base de usuários é esperado há bastante tempo pelos investidores. As ações da empresa registraram comportamento volátil nos últimos anos e conseguiram se estabilizar em 2017. No entanto, os papéis são avaliados em menos de um terço do apresentado em 2014, quando cada ação foi avaliada em US$ 69.

Leia também: YouTube anuncia lançamento de recurso similar ao Snapchat

Para atrair novos usuários, a rede social tem realizado uma série de atualizações. Além do Twitter Lite, a plataforma pretende relançar, em breve, o recurso de favoritar tuítes, substituído em 2015 pelo botão de curtir. A funcionalidade deverá manter, de forma privada, as publicações salvas em uma lista separada para os usuários recuperarem um determinado conteúdo sempre que precisarem.

    Leia tudo sobre: Aplicativo
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.