Tamanho do texto

Serviço de streaming usará formato parecido com o do Snapchat para exibir aos seus usuários vídeos de até 30 segundos sobre os títulos em destaque

Brasil Econômico

A Netflix é a nova plataforma a se inspirar no Snapchat para uma atualização em seu aplicativo. Assim como Facebook, Instagram e WhatsApp, o serviço de streaming também mostrará vídeos curtos semelhantes a stories. A diferença é o conteúdo não será publicado pelos usuários, mas, sim, pela própria empresa. A ideia é utilizar o formato para exibir pequenos trailers de filmes e séries disponíveis.

Leia também: E agora, Apple? Startup vende software capaz de desbloquear todo tipo de iPhone

Segundo o site Variety , o anúncio foi feito na quarta-feita por Todd Yellin, vice-presidente da Netflix, em um evento para a imprensa na Califórnia, nos Estados Unidos. Com previsão de ser liberada em abril, a atualização deverá permitir que os usuários vejam vídeos de até 30 segundos na vertical.

Leia também: iMac Pro começa a ser vendido no Brasil e versão básica sai por R$ 38 mil

Tela inicial do aplicativo da Netflix deverá exibir círculos para filmes e séries em destaque
Reprodução
Tela inicial do aplicativo da Netflix deverá exibir círculos para filmes e séries em destaque

Os vídeos curtos poderão ser abertos ao selecionar um dos círculos que serão exibidos na tela inicial. A disposição deles lembra o Instagram Stories, que exibe as publicações temporários das pessoas que você segue. De acordo com Yellin, as prévias estarão disponíveis para centenas de títulos, incluindo filmes e séries originais e licenciados.

 O executivo afirmou, ainda, que a empresa tem buscado trazer inovações para dispositivos móveis por perceber que é um importante formato para a base de usuários da plataforma. Segundo ele, cerca de 20% da audiência da netflix vem de dispositivos móveis e mais de 50% dos usuários usam o aplicativo ao menos uma vez por mês.

De acordo com Yellin, as prévias passaram nos testes, mas outros recursos experimentados pela empresa não deverão chegar tão cedo para todos os usuários. Um das ideias da companhia era tornar o serviço mais social por meio da criação de uma rede própria, mas apenas 2% do grupo de usuários que receberam a função participaram dessa plataforma de testes.

Leia também: Facebook causa polêmica ao perguntar se pedofilia é aceitável na rede social

Ainda sobre o novo recurso, a Netflix exibe, há alguns anos, uma espécie de prévia de filmes e séries para quem usa a plataforma em smart TVs. No entanto, a decisão de levar uma opção parecido para celulares e tablets marca a primeira vez que a companhia decide trabalhar com o vídeo na vertical em qualquer um de seus aplicativos.

    Leia tudo sobre: Instagram
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.