Olhar Digital

Os responsáveis por um app chinês de benchmark chamado “Master Lu” divulgaram uma lista com os smartphones mais clonados na China entre 1.º de março de 2019 e 1.º de março deste ano. E a Apple lidera a lista dos “top 10”, com o iPhone 8 na primeira posição.

Preço baixo: confira as melhores ofertas da Semana do Consumidor

O terceiro e segundo colocados na lista são dois modelos da Samsung que não existem por aqui, o W2018 e W2019 . São smartphones Android com design “flip” e duas telas, uma acima do teclado e outra atrás dela, que pode ser usada quando o aparelho está fechado.

Reprodução

A quarta posição no ranking é do iPhone XS Max , e a quinta colocação fica com o Samsung Galaxy S10+ . No sexto lugar está o Honor 9, da Huawei , e no sétimo o Samsung Galaxy S8+ . O oitavo colocado é o OnePlus 7 Pro e o nono é o Xiaomi Mi 6 . A décima e última posição fica com o Samsung Galaxy S8 .

Reprodução

Segundo o ranking, 29,54% dos aparelhos falsificados eram clones de modelos da Apple, e 26,44% copiavam modelos da Samsung . 9,83% dos clones tentam se passar por modelos da Xiaomi , e 6,10% por modelos da Honor .

E3 cancelada: com coronavírus, maior feira de games do mundo não vai acontecer

O mercado de clones na China é tão variado quanto o de smartphones legítimos . Alguns aparelhos apenas copiam o design das grandes marcas, enquanto outros fazem grande esforço para se passar pelo produto original, na tentativa de enganar um usuário incauto atraído por uma “promoção”.

Segundo a Master Lu, a maioria dos clones tem tela com resolução de 1280 x 720 pixels (720p) e usa o processador Mediatek MT6789, um chip quad-core de 1,2 GHz que é encontrado em smartphones de entrada. Ou seja, não chega nem perto das características dos produtos originais.

    Veja Também

      Mostrar mais