TF-X, da Terrafugia, empresa de Massachusetts (EUA) que projeta carro voador
Reprodução/TV iG
TF-X, da Terrafugia, empresa de Massachusetts (EUA) que projeta carro voador

SÃO PAULO - A companhia aérea Azul informou que firmou parceria com a companhia alemã Lilium, de "carros voadores" com previsão de investimento de até US$ 1 bilhão, para trazer ao país aviões elétricos. A expectativa é trazer ao país 200 aeronaves dese tipo (eVTOL), a partir de 2025, para operar rotas curtas.

Os planos da Azul, segundo o comunicado divulgado ao mercado, é construir, uma malha exclusiva com as aeronaves elétricas para aumentar a conectividade entre as cidades, em trajetos mais curtos.

A Azul afirma que a parceria reforça seus esforços também em avançar com a chamada agenda ESG, com maior preocupação com as questões ambientais, sociais e de governança corporativa. As aeronaves 100% elétricas reduzem as emissões de carbono.

Você viu?

“A Azul tem o mais exclusivo e sustentável modelo de negócios do Brasil. Nossa presença de marca, nossa malha com exclusiva conectividade e nosso robusto programa de fidelidade nos fornecem as ferramentas para criar os mercados e a demanda para a operação com jatos Lilium no Brasil. Assim como fizemos no mercado doméstico brasileiro nos últimos 13 anos, esperamos novamente, agora com os jatos da Lilium, criar um

mercado totalmente inovador nos próximos anos”, afirmou John Rodgerson, CEO da Azul, no comunicado.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários