Brasileiros estão gastando mais com aplicativos
Unsplash/Rob Hampson
Brasileiros estão gastando mais com aplicativos

Os brasileiros gastaram US$ 268,5 milhões (cerca de R$ 1,4 bilhão em conversão direta) em compras dentro de aplicativos no iOS e no Android no primeiro trimestre de 2021, de acordo com um r elatório do App Annie Intelligence e do AppsFlyer . Em comparação com o mesmo período de 2020, houve crescimento de 35%.

Apesar de expressivo, o crescimento brasileiro é menor que o global, que foi de 40% entre o primeiro trimestre de 2020 e os mesmos meses de 2021. Mundialmente, os gastos em aplicativos atingiram a casa dos US$ 32 bilhões (cerca de R$ 165 bilhões em conversão direta).

Alguns tipos de aplicativos cresceram de forma mais acelerada no Brasil. A receita dos aplicativos de relacionamento aumentou 406% na comparação anual do primeiro trimestre, enquanto aplicativos de negócios e produtividade saltaram em torno de 350%. As categorias que mais registraram aumento de receita foram:

  • Relacionamento: +406%
  • Negócios: +353%
  • Produtividade: +350%
  • Alimentação: +342%
  • Finanças: +236%

Android domina

No primeiro trimestre deste ano, 57% dos gastos de consumidores em lojas de aplicativo aconteceram na Google Play Store, a loja oficial do Android. No mesmo período do ano passado, a taxa era de 51%.

Apesar de ganhar da App Store, a loja oficial do iOS, os gastos no Android poderiam ser ainda maiores. Isso porque 91% de todos os aplicativos baixados no Brasil são feitos em celulares com o sistema operacional do Google, taxa que se mantém estável há quatro anos.

"Historicamente, device iOS costuma ser responsável pela maior parte da parcela do gasto global do consumidor em app stores, mas nos últimos anos observamos um avanço do Google Play. Globalmente, o iOS ainda lidera essa parcela do mercado, com 65% no 1ºT de 2021", diz o relatório.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários