Kwai é líder de downloads
Reprodução
Kwai é líder de downloads

O aplicativo Kwai foi o mais baixado no Brasil no primeiro trimestre deste ano, de acordo com relatório do App Annie Intelligence, que analisou tanto os downloads no Android quanto no iOS. No período, o TikTok ficou em segundo lugar.

O ranking leva em consideração apenas os downloads realizados no período analisado, o que significa que o Kwai não é, em números totais, o aplicativo mais instalado nos celulares brasileiros.

O ranking dos 10 apps mais baixados conta com nomes famosos, como WhatsApp, Facebook e Telegram, além de outros menos conhecidos, como a plataforma de música Resso e o aplicativo de monitoramento V380 Pro.

O Kwai é um aplicativo de vídeos curtos parecido com o TikTok e, neste ano, tem crescido bastante no Brasil ao adotar uma estratégia de recompensas - que também foi adotada inicialmente pelo TikTok .

Você viu?

Com o sistema, existe a promessa de que os usuários podem ganhar dinheiro assistindo a vídeos, convidando amigos e realizando outras ações. Isso faz com que mais pessoas tenham o primeiro contato com o aplicativo, o que pode impulsionar seu crescimento. Apesar disso, porém, algumas dessas "promoções" não correspondem às expectativas dos usuários .

A seguir, confira os 10 aplicativos mais baixados no Brasil no primeiro trimestre de 2021:

  1. Kwai
  2. TikTok
  3. Shopee
  4. PicPay
  5. Telegram
  6. Google Meet
  7. WhatsApp
  8. V380 Pro
  9. Resso
  10. Facebook

Aplicativos cheios da grana

Se os aplicativos asiáticos dominaram o ranking dos mais baixados, o brasileiro Globoplay foi coroado como o que mais gerou gastos aos consumidores nas lojas de aplicativos.

Depois dele, os brasileiros gastaram bastante dinheiro no Disney+ e no Tinder durante o primeiro trimestre deste ano. Confira o ranking:

  1. Globoplay
  2. Disney+
  3. Tinder
  4. Google One
  5. YouTube
  6. Canva
  7. Crunchyroll
  8. HBO Go (extinto após a chegada do HBO Max)
  9. TikTok
  10. YouTube Music

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários