Plataformas de streaming teriam que adicionar ferramentas de acessibilidade
Unsplash
Plataformas de streaming teriam que adicionar ferramentas de acessibilidade

Um projeto de lei apresentado pela senadora Mara Gabrilli (PSDB-SP) na última semana quer obrigar plataformas de streaming a oferecerem mais recursos de acessibilidade em seus conteúdos.

Atualmente, a lei de inclusão de pessoas com deficiência obriga apenas serviços de radiodifusão de som e imagem, como a televisão, a terem recursos de acessibilidade. A ideia do projeto é acrescentar também as novas plataformas, que tem se tornado bastante populares.

Uma das mudanças seria a adição de audiodescrição nos filmes e séries. A ferramenta descreve as imagens para dar mais acessibilidade a pessoas cegas ou com baixa visão.

De acordo com o projeto, a regra englobaria plataformas de streaming que têm finalidade econômica, como Netflix, Amazon Prime Video, YouTube e HBO Max, por exemplo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários