Lápide dedicada ao Internet Explorer
Reprodução/redes sociais
Lápide dedicada ao Internet Explorer

Depois do  Internet Explorer ser oficialmente desativado na última semana, um engenheiro de software sul-coreano decidiu fazer uma lápide para o navegador.

Jung Ki-young gastou 430.000 won (cerca de R$ 1,7 mil) para mandar fazer a lápide, que tem o símbolo do Internet Explorer e o seguinte epitáfio bem-humorado: "Ele era uma boa ferramenta para baixar outros navegadores".

A foto da lápide, que foi instalada em um café administrado pelo irmão do engenheiro, em Gyeongju, no sul do país, ganhou as redes sociais. "Essa é outra razão para agradecer ao Explorer, agora me permitiu fazer uma piada de alcance mundial", disse Jung Ki-young à Reuters.

Para o engenheiro, o Explorer "foi um pé no saco, mas eu chamaria isso de uma relação de amor e ódio porque o próprio Explorer já dominou uma era". Segundo ele, seus clientes pediam que os sites continuassem rodando bem no navegador, que foi o adotado como padrão por muitos anos nos escritórios do governo sul-coreano e em muitos bancos do país.

"Lamento que se foi, mas não vou sentir falta. Então, sua aposentadoria, para mim, é uma boa morte", disse à Reuters.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários