Instagram testa nova forma de verificar idade dos usuários
Unsplash/Kate Torline
Instagram testa nova forma de verificar idade dos usuários

O Instagram está testando novos métodos para conferir a idade de seus usuários, incluindo um sistema de inteligência artificial que consegue ler o rosto da uma pessoa e definir sua idade.

Para ter uma conta no Instagram, é necessário ter ao menos 13 anos de idade mas, durante anos, a rede social não se esforçou para checar os dados fornecidos pelos usuários. Atualmente, já é possível que adolescentes confirmem sua idade ao enviar fotos de documentos, mas novas opções estão surgindo.

Em meio a polêmicas e acusações de que não faz o suficiente para proteger os mais jovens na rede social, o Instagram está testando duas novas formas de conferir a idade nos Estados Unidos. Uma delas é a verificação por terceiros: três seguidores mútuos adultos são convidados a checarem a idade de um adolescente. A outra forma é através de inteligência artificial.

Para isso, o Instagram está utilizando o sistema da empresa terceirizada Yoti, que consegue definir a idade de uma pessoa ao obter uma selfie em vídeo. "A estimativa de idade é baseada em uma técnica de computação conhecida como rede neural, que treinamos para poder estimar a idade humana usando um processo de aprendizagem de máquina", afirma a empresa.

De acordo com uma tabela de taxa de erro da própria Yoti, a ferramenta falha mais em mulheres e em pessoas com tons de pele mais escuros. A margem de erro pode ser de 1,56 ano para pessoas entre 13 e 17 anos e 2,22 anos para usuários entre 18 e 24 anos.

Além disso, a ferramenta pode ser burlada. Testamos a tecnologia da Yoti, que está disponível  neste site , e foi possível enganar o sistema ao colocar a foto de uma pessoa mais velha em frente a câmera. Apesar disso, a inteligência artificial acertou as idades durante os testes, embora classifique as pessoas em um intervalo de quatro anos.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários