Pacientes poderão acessar o hospital pelo metaverso
Unsplash/Martin Sanchez
Pacientes poderão acessar o hospital pelo metaverso

A Espanha anunciou recentemente que oferecerá novos serviços de saúde digitais através de seu primeiro centro hospitalar no metaverso.

O hospital San Juan de Dios de Saragoça é um projeto desenvolvido em conjunto com a empresa Imascono, visando transformar o atendimento médico de pacientes e trazer facilidade aos serviços de saúde para todos os usuários.

Segundo os fundadores do centro médico, o metaverso permitirá conhecer algumas das pesquisas realizadas pelo hospital, além de suas atividades diárias, portfólio de serviços e iniciativas de responsabilidade social.

Experiencia do usuário no hospital San Juan de Dios

Os pacientes do hospital San Juan de Dios podem simular a chegada ao centro de saúde pelo corredor central do recinto e interagir com cartazes, roll ups e telas 2D.

Também é possível encontrar logotipos, objetos, móveis e pontos de informação flutuantes em 3D, distribuídos por todo o hospital do metaverso.

Além disso, a novidade permite que pacientes, familiares, profissionais e visitantes possam interagir em diferentes eventos sociais, palestras médicas e atos recreativos de forma online.

Serviços hospitalares para usuários do sistema público

Através do metaverso, o centro hospitalar de Saragoça aposta num modelo de liderança, com estratégias inovadoras, para melhorar resultados no atendimento da saúde pública.

Os serviços oferecidos pelo centro de saúde no metaverso são os seguintes:

  1. Prescrição eletrônica para pacientes.
  2. Criação de um anel radiológico.
  3. Assinatura biométrica para admissão do paciente.
  4. Integração de dispositivos de eletromedicina.
  5. Neuro-reabilitação que implementa soluções digitais para ajudar na recuperação do paciente.

Espanha e sua aposta pelo metaverso

O governo espanhol também anunciou no início de julho que destinará ajuda financeira a projetos na Web 3.0 e no metaverso.

Este programa de subsídios disponibilizará mais de R$ 20 milhões para financiar projetos que contribuam na criação de espaços de trabalho, transformação social, cultura, educação e saúde.

Por esta razão, espera-se que iniciativas como o centro hospitalar de Saragoça continuem sendo desenvolvidas por diferentes empresas nos próximos meses.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários