Sede da Samsung em Amsterdam, na Holanda
Shuttersock
Sede da Samsung em Amsterdam, na Holanda

O próximo ano tende a ser bem movimentado para a Samsung. De acordo com o The Elec nesta segunda-feira (15), a marca sul-coreana pretende lançar mais de sessenta celulares e tablets Galaxy em 2022. Entre eles, estão dispositivos que serão comercializados com o processador Exynos 2200, que deve trazer gráficos da AMD.

As informações foram repassadas ao site sul-coreano por pessoas a par do assunto. Espera-se que a Samsung apresente 64 modelos de smartphones e tablets Galaxy ao longo do próximo ano. Levando em consideração que o ano terá 52 semanas, dá para dizer que será mais de um lançamento por semana em 2022.

Em relação aos processadores, o futuro Exynos 2200 deve marcar presença no interior de vinte modelos da fabricante. É o caso da linha Galaxy S22, que tende a ser composta por três edições: S22, S22+ e S22 Ultra. Os sucessores da família Galaxy S21 também devem ser comercializados com o Qualcomm Snapdragon 898 em alguns países.

Como já era esperado, o Galaxy S21 FE deve ser anunciado em janeiro com o Exynos 2100 e Snapdragon 888. Mas a Samsung não deve repetir a dobradinha no Galaxy S22 FE, pois o smartphone tende a ser lançado apenas com o Exynos 2200. Ou seja, é possível que o sucessor do Galaxy S21 FE não tenha variantes com chip da Qualcomm.

Leia Também

Os tablets da fabricante também devem ganhar o futuro chip da linha Exynos. Entre eles, estão os aguardados Galaxy Tab S8, S8+ e S8 Ultra. Os processadores Exynos também devem ser levados a boa parte de celulares intermediários das categorias Galaxy A e Galaxy M em 2022, ainda de acordo com o The Elec.

Samsung deve lançar 31 modelos com chips da Qualcomm

A Samsung ainda planeja lançar outros dispositivos com processadores da Qualcomm. Neste caso, a expectativa é de que os chips Snapdragon apareçam em 31 modelos de produtos da linha Galaxy. É o caso da linha Galaxy S22, como já citado anteriormente, que tende a ter variantes com o sucessor do Qualcomm Snapdragon 888.

Os celulares dobráveis também devem manter a mesma fórmula de 2021. Para refrescar a memória, o Galaxy Z Flip 3 e Galaxy Z Fold 3 foram lançados com o Qualcomm Snapdragon 888. Agora, informa o site sul-coreano, a companhia também pretende levar o Qualcomm Snapdragon 898 aos futuros Galaxy Z Flip 4 e Z Fold 4.

A Samsung ainda pretende usar componentes de outras companhias. É o caso dos processadores MediaTek, que serão destinados a 14 modelos de dispositivos Galaxy. A companhia ainda cogita em levar os chips Unisoc a três modelos que serão lançados ao longo do próximo ano. Todos esses planos, por outro lado, podem ser alterados no futuro devido à escassez de semicondutores.

Exynos 2200 deve ser lançado com gráficos da AMD

O Exynos 2200 é uma das principais apostas para a linha que vai suceder o Galaxy S21. Espera-se que o processador seja apresentado com a arquitetura AMD RDNA 2. Dessa forma, o componente deve trazer alguns recursos extras para gráficos, como o ray tracing, o que deve agradar quem gosta de jogar no celular.

O Qualcomm Snapdragon 898 é outro processador que marcará presença em produtos da marca. Espera-se que o sucessor do Snapdragon 888 seja fabricado em processo de quatro nanômetros e tenha núcleo baseado na arquitetura ARMv9. O chip gráfico Adreno 730 e o modem Snapdragon X65 5G também participar da composição do chip. Os componentes devem ser anunciados ainda neste ano.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários