Galaxy S21 Ultra
Divulgação/Samsung
Galaxy S21 Ultra

Samsung Galaxy S21 FE já foi especulado para ser lançado em mais de uma data ao longo de 2021. Agora, a aposta é de que um dos próximos celulares da Samsung seja apresentado no começo de 2022. Mas esta não é a única diferença do smartphone em relação ao restante da linha Galaxy S21: segundo o SamMobile, o telefone deve sair da caixa com Android 12 sob a One UI 4 em vez do Android 11.

A especulação gira em torno de um firmware vazado. O site especializado informa que o software é baseado no Android 12 sob a One UI 4, a versão mais recente do sistema operacional e que começou chegar ao Brasil nesta semana . A cargo de comparação, o Galaxy S21, S21+ e o S21 Ultra foram lançados em janeiro com Android 11.

A novidade renova as apostas para o Galaxy S21 FE. Antes, esperava-se que o telefone seria lançado com Android 11, a versão mais recente do sistema até outubro, quando aconteceu a estreia do Android 12 ao público. E, aqui, vale lembrar que o celular já teve mais de uma data de lançamento especulada: 11 de agosto e 13 de outubro. O novo integrante da linha Galaxy S21, como se sabe, ainda não foi oficializado.

O rumor também credita uma possível vantagem ao S21 FE em relação aos seus irmãos. Isto porque a Samsung promete três anos de atualizações de sistema a celulares da linha Galaxy S. Ou seja, o lançamento tende a receber o Android 15 no futuro. Já os demais integrantes da família Galaxy S21 seriam atualizados até o Android 14.

Leia Também

O que esperar do Samsung Galaxy S21 FE

O Samsung Galaxy S21 FE é, sem dúvidas, um dos celulares mais aguardados do ano. O lançamento deve manter alguns aspectos do seu antecessor, o Galaxy S20 FE, como a característica de ser a alternativa mais acessível da linha Galaxy S21. Assim, os consumidores teriam um celular com ficha técnica avançada sem precisar gastar muito.

O celular tende a repetir o visual do Galaxy S21 e S21+ em quase todos os aspectos. Mas o tamanho da tela seria diferente dos dois: 6,4 polegadas. Já a resolução Full HD+ e a taxa de atualização de 120 Hz seriam mantidas. O mesmo é dito ao furo no display para abrigar a câmera frontal que seria de 32 megapixels, assim como o Galaxy S20 FE.

A câmera tripla de 12 megapixels deve permanecer. Outra aposta gira em torno da ficha técnica avançada com Qualcomm Snapdragon 888 ou Exynos 2100, a depender da região, além da memória RAM de até 8 GB e o armazenamento de até 256 GB. O smartphone também teria bateria de 4.500 mAh com recarga rápida de até 45 watts.

A expectativa é de que o celular seja lançado em janeiro durante a CES 2022. O smartphone também  já foi homologado pela Anatel no Brasil.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários