Tamanho do texto

Equipe de Mark Zuckerberg comprou uma startup para aperfeiçoar a tecnologia de controle de máquinas através da mente em um negócio de 500 milhões de dólares

Olhar Digital

mark zuckerberg arrow-options
Reprodução/Facebook
Facebook compra empresa que estuda a nova tecnologia.


O Facebook anunciou na última segunda-feira (23) a compra de uma empresa que pesquisa como controlar computadores com a mente .

Andrew Bosworth, vice-presidente da divisão de realidade virtual aumentada do Facebook , afirmou que através da aquisição, a startup CTRL-labs passará a formar parte do "laboratório de realidade" da empresa, com o objetivo de aperfeiçoar a tecnologia e convertê-la em um produto de massa rapidamente.

Leia também: EUA têm onda de pedidos de patentes de tecnologias para "leitura da mente"

"Sabemos que há maneiras mais naturais e intuitivas de interagir com dispositivos e tecnologia, e queremos desenvolvê-las", disse Bosworth ao anunciar o acordo.

Ao contrário do que se pode imaginar, esse sistema de controle funciona apenas com uma pulseira, diferentemente de outros sistemas que possibilitam a comunicação entre o cérebro e as máquinas mediante implantes cerebrais .

Leia também: Imortalidade? Startup cobra US$ 10 mil para salvar cérebro na nuvem após a morte

Os impulsos elétricos que o cérebro envia aos músculos da mão, com o de apertar um botão, são decodificados pela pulseira. Ela então traduz esses impulsos em sinais que um dispositivo é capaz de entender, permitindo assim o controle mental do aparelho

    Leia tudo sobre: Facebook