Tamanho do texto

Dados da plataforma Ginfes, responsável pela emissão de notas fiscais em parceria com mais de 60 prefeituras, foram expostos por brecha no sistema

Olhar Digital

dados arrow-options
Marcello Casal Jr/Agência Brasil
dados de mais de 60 municípios vazam online


É indiscutível que serviços digitais facilitaram, e muito, o modo como se vive nos tempos atuais. Tudo é possível apenas com um computador conectado à internet . Fazer compras, conhecer pessoas, estudar, prestar serviços. Apesar da facilidade que o universo conectado nos propõe, ao mesmo tempo, o cuidado com a manipulação dos dados presentes na rede necessita ser redobrado , seja ela na gestão pública ou privada. 

Nesta terça-feira (15), com exclusividade, o Olhar Digital recebeu uma denúncia anônima sobre mais um caso de vazamento de dados . Agora, envolvendo o site Gestão Inteligente da Nota Fiscal de Serviço Eletrônica. A fonte, que descobriu a falha de segurança no sistema, confirmou que era possível obter o documento na íntegra, com dados tanto do prestador quanto do tomador do serviço, apenas digitando combinações numéricas aleatórias no final da URL do site.

Leia também: Meus dados vazaram, e agora? Veja como se proteger em situações como essa

Nome completo, endereço, e-mail, CPF/CNPJ, descrição e valor do serviço de todos os brasileiros que utilizam a plataforma estavam expostos. Segundo a fonte, os resultados encontrados surgiram após combinações aleatórias dos nove números que aparecem no final da URL. O Olhar Digital, por meio de testes, constatou que é possível obter as notas fiscais facilmente, e de várias cidades do país, como São Paulo, Rio de Janeiro, Alagoas, Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Manaus entre outros. 

De acordo com o site da empresa gestora de envio de notas, atualmente, mais de 60 cidades do Brasil utilizam o sistema para emissão de Nota . Em muitos municípios, o documento é gerado pela prefeitura por meio do Ginfes ou por uma entidade conveniada pelo município. 

Leia também: Lei Geral de Proteção de Dados deve diminuir venda de dados pessoais na Dark Web

O Olhar Digital entrou em contato com a EICON, empresa responsável pelo sigilo das notas fiscais eletrônicas e administração dos dados , mas até o momento da publicação desta matéria, não obteve resposta.

Casos envolvendo vazamento de dados de milhares de brasileiros estão cada vez mais comuns. Na semana passada, o Olhar Digital recebeu uma denúncia, com exclusividade, sobre a exposição da base de dados do Detran-RN, com a qual era possível ter acesso a ficha cadastral de todos os brasileiros portadores de Carteira de Habilitação ou proprietários de veículos.