Olhar Digital

Siri arrow-options
shutterstock
Homem foi salvo depois de pedir para Siri ligar para a emergência


Um homem do estado do Iowa, nos Estados Unidos, sobreviveu ao que poderia facilmente ter sido um acidente fatal caso ele não gritasse " Siri, ligue para o 911 ", de acordo com as informações dadas pela CNN na última quinta-feira (12).

Gael Salcedo, de 18 anos, estava a caminho do North Iowa Area Community College quando seu carro passou por um trecho de gelo na estrada. Salcedo perdeu o controle do veículo; ele virou à direita e, a partir daí, "tudo ficou embaçado", disse ele. Seu carro acabou caindo no rio Winnebago.

Leia também: Homem cai de penhasco e é salvo por Apple Watch

"Eu não sabia para onde estava indo e simplesmente não sabia o que fazer. Estava pensando em minha cabeça 'acho que vou morrer'", contou ele em entrevista a um jornal local. Salcedo abaixou as janelas, temendo que o carro afundasse. A água e o gelo ao seu redor estavam em temperaturas congelantes.

No acidente, ele perdeu seu celular dentro do carro, então recorreu a uma alternativa: a Siri . "Eu perdi meu telefone e já que não conseguia encontrá-lo, falei 'Ei Siri, ligue para o 911'. Assim que a Siri ligou, eu finalmente encontrei meu celular", falou Salcedo.


Os bombeiros de Mason City chegaram ao local rapidamente. Eles se aproximaram do Jeep pelo lado do passageiro, porque a força da água impedia que a porta do lado do motorista fosse aberta. Enquanto isso, o volume de água dentro do carro aumentava velozmente.

Leia também: Senhora com problemas cardíacos é salva por Apple Watch

"Eu basicamente expliquei para ele que não tinha outro jeito. Você terá que sair. Eu estarei lá com você te segurando cada passo do caminho", disse o tenente Craig Warner, do Departamento de Bombeiros de Mason City.

A caminhada de Salcedo pelo rio congelante foi tão difícil quanto parece. "Minhas mãos estavam congelando. Eu não sentia mais minhas pernas, então eu estava lutando muito e a água era muito forte", contou Salcedo. "Fiquei tropeçando, e o rapaz me ajudou várias vezes e usei toda a minha força para sair da água".

Com a ajuda de Warner, Salcedo foi capaz de sair do rio e entrar na ambulância. Ele foi tratado e liberado do hospital apenas algumas horas depois.

    Veja Também

      Mostrar mais