Olhar Digital

Xbox Series X arrow-options
Reprodução
Microsoft libera as especificações do Xbox Series X


A expectativa para os consoles da nova geração que serão lançados este ano está altíssima, e a Microsoft adicionou mais alguns graus para o hype, liberando as especificações do Xbox Series X . A mais importante é a capacidade e processamento do videogame , que será de 12 teraflops de desempenho da GPU (Unidade de processamento gráfico) - duas vezes o de um Xbox One X , oito vezes o Xbox One original e mais até que os 10,7 teraflops do Google Stadia .

A Microsoft também confirmou o processador personalizado baseada na arquitetura Zen 2 da AMD , suporte a HDMI 2.1 e armazenamento SSD que permitirá o resumo rápido de vários jogos ao mesmo tempo – ao invés de ter que fechar um game para poder rodar outro, como acontece na geração atual.

Leia também: Xbox Series X será mais potente que o PlayStation 5, aponta vazamento

O console também terá as tecnologias próprias de Variable Rate Shading (VRS), que permite aos desenvolvedores priorizar efeitos individuais em personagens de jogos específicos ou objetos ambientais importantes, e DirectX Raytracing acelerado por hardware , para criar ambientes mais dinâmicos e realistas.

Entre as informações divulgadas pela Microsoft , algumas já eram bem conhecidas, como a retrocompatibilidade com jogos do Xbox One, Xbox 360 e Xbox original - incluindo títulos do Xbox Game Pass. Especialmente nesses primeiros meses, quando Xbox One e Series X conviverão, a empresa também garantiu que fará uma “entrega inteligente” de jogos, com o usuário comprando um jogo e recebendo em sua máquina a versão correta para aquele console .

    Veja Também

      Mostrar mais