Tamanho do texto

Agência espacial norte-americana selecionará 40 pessoas para participarem do evento de lançamento do foguete Falcon 9, da Space X, na Flórida

Cápsula lançada no complexo da NASA entregará suprimentos e equipamentos para a Estação Espacial Internacional
Reprodução/Flickr
Cápsula lançada no complexo da NASA entregará suprimentos e equipamentos para a Estação Espacial Internacional

Em agosto, o foguete Falcon 9 da Space X lançará a 14ª cápsula Dragon a partir do Complexo 39A da NASA, a agência espacial norte-americana, no Cabo Canaveral, no estado da Flórida. O lançamento será a 12ª missão comercial de reabastecimento de carga para a Estação Espacial Internacional. Além de suprimentos e equipamentos, a capsula deverá entregar uma série de investigações científicas para a estação.

Leia também: "Quase todos os carros serão autônomos em dez anos", projeta Elon Musk

E alguns internautas poderão acompanhar o lançamento. A NASA está convidando 40 pessoas para participarem do evento de dois dias, culminando no lançamento. Os escolhidos terão a oportunidade de vivenciar tudo a partir da "linha de frente". Com inscrições válidas até esta quarta-feira (19) e somente para cidadãos norte-americanos, o convite inclui uma visita pelas instalações no Cabo Canaveral, a oportunidade de conversar com representantes da agência e da SpaceX, além da chance de conhecer o foguete no complexo de lançamento.

Leia também: Entenda como a China está acabando com pagamentos em dinheiro vivo

A SpaceX segue alcançando avanços importantes em seu plano para reduzir os preços dos voos espacials por meio de tecnologia de foguetes reutilizáveis. Recentemente, a companhia completou três lançamentos bem-sucedidos em menos de duas semanas. No futuro, a empresa pretenda levar cidadãos comuns para a Lua e para Marte.

Planos para Marte

Diversas instituições já estão trabalhando para tornar a colonização do planeta uma realidade. No entanto, a SpaceX foi a primeira a apresentar um plano concreto para chegar ao "Planeta Vermelho". A estratégia ainda precisa de alguns detalhes, mas a empresa já pensa em um Sistema de Transporte Interplanetário (ITS, na sigla em inglês), imaginado como uma nave reutilizável usada para transportar as pessoas por "apenas" US$ 200 mil (cerca de R$ 632 mil) cada.

Leia também: Google Glass é relançado com melhorias e foco no setor corporativo

Para levar a nave ao espaço, a companhia já desenvolve um foguete, planejado para ser maior que o Falcon 9, usado no complexo da NASA. Se o objetivo for atingido, este será o mais potente foguete já produzido. Quando questionado no Twitter sobre os avanços do projeto, o CEO da SpaceX, Elon Musk, afirmou que a companhia "está quase lá" e que, provavelmente, novidades serão apresentadas "em alguns meses".


    Leia tudo sobre: Inovação
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.