Tamanho do texto

Aplicativo está testando funcionalidade para exibir quando uma mensagem foi encaminhada para você; objetivo é impedir notícias falsas e correntes

Em fase de testes no WhatsApp, recurso está disponível para usuários da versão 2.18.67, ainda em fase beta
Shutterstock
Em fase de testes no WhatsApp, recurso está disponível para usuários da versão 2.18.67, ainda em fase beta

O WhatsApp deseja diminuir o spam nas conversas individuais e em grupo. Para isso, o aplicativo poderá liberar um recurso que informará quando uma mensagem foi encaminhada para você. A estratégia visa identificar os usuários que não se dão ao trabalho de escrever uma mensagem ou enviar um anexo e, simplesmente, repassam algo que já receberam de alguém.

Leia também: Perdido nos grupos? WhatsApp libera recurso para adicionar texto de descrição

De acordo com o WABetaInfo, site que acompanha as atualizações do WhatsApp , o aplicativo exibirá o termo "Mensagem encaminhada" quando você receber algo que não é original daquele contato. A informação também aparecerá quando o conteúdo encaminhado tiver sido publicado pela primeira vez na mesma conversa.

Leia também: Como rastrear um celular perdido ou roubado

A opção está disponível para usuários da versão 2.18.67, ainda em fase beta. Em versões anteriores, o aplicativo analisou a possibilidade de exibir algo somente quando uma mensagem foi compartilhada muitas vezes. O experimento foi feito para usuários do dispositivos iOS e também tinha o objetivo de impedir as mensagens indesejadas, mas de acordo com o WABetaInfo, foi descartado.

Por esse motivo, não é possível saber se a nova opção testada pelo aplicativo realmente será liberada para todos os usuários. Ainda assim, os testes indicam uma preocupação em reduzir o número de mensagens com notícias falsas, propagandas indesejadas ou correntes que pedem para encaminhar algo para mais contatos.

Vale destacar que a plataforma é constantemente utilizada por cibercriminosos que enviam falsas promoções e ofertas de emprego para conseguir dinheiro ou informações pessoais de usuários. A última delas aproveitou uma  promoção verdadeira de O Boticário para incentivar as vítimas a se cadastrarem em uma página maliciosa.

Leia também: Confira algumas formas de saber se você foi bloqueado no Instagram

Ao clicar no link enviado pelo WhatsApp, as pessoas eram levadas para uma página com o mesmo formato da promoção verdadeira. Em seguida, o site perguntava se a pessoa tinha interesse de receber uma amostra grátis do produto, mas a resposta dava permissão para os autores da campanha maliciosa enviarem notificações com outros golpes no futuro.

    Leia tudo sobre: Aplicativo
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.