Tamanho do texto

Também notada em PCs; atualização equivocada surpreendeu usuários de diversas partes do País à meia-noite; horário de verão terá início no dia 4/11

'Horário de verão fake' afetou usuários de celulares de diversas regiões do País à meia-noite deste domingo (21)
Creative Commons CCO
'Horário de verão fake' afetou usuários de celulares de diversas regiões do País à meia-noite deste domingo (21)

Muitos usuários de smartphones ficaram confusos à meia-noite deste domingo (21), quando aparelhos de diversas operadoras atualizaram automaticamente para o horário de verão. Num piscar de olhos, os ponteiros pularam das 23h59 diretamente para 1h da manhã. 

Ocorre, no entanto, que o horário de verão  'real-oficial' terá início somente no dia 4 de novembro , por determinação do governo. Até o ano passado, a mudança na hora era realizada sempre no terceiro domingo de outubro e terminava no terceiro domingo de fevereiro do ano seguinte. É por conta dessa 'tradição' que muitos aparelhos estavam pré-programados para adiantarem a hora automaticamente neste domingo.

O ajuste automático para o ' horário de verão fake ' foi notado em diversas regiões do País e, além de aparelhos celulares, também se deu em relógios de rua e em computadores pessoais (PCs). Nas redes sociais, os termos "horariodeverao" e "que horas são" foram os mais comentados desde o início da madrugada.

Na semana passada, donos de aparelhos iPhone já haviam sido confundidos por uma súbita alteração no horário de seus aparelhos , o que fez com que o despertador de muita gente fosse acionado mais cedo. A falha, inicialmente, parecia ter afetado apenas aparelhos com chip da operadora TIM, mas o surgimento de reclamações de clientes de outras empresas levou à percepção de que se tratava de falha no sistema iOS.

Leia também: WhatsApp baniu 100 mil usuários por uso irregular – incluindo filho de Bolsonaro

Por que o governo mudou o horário de verão?

Horário de verão representa foi implantado em 1931 pelo então presidente, Getúlio Vargas
Arquivo/Agência Brasil
Horário de verão representa foi implantado em 1931 pelo então presidente, Getúlio Vargas

A alteração no início da hora de verão nos dez estados que a adotam e no Distrito Federal foi definida em decreto publicado em dezembro de 2017 com dois objetivos: o de evitar a coincidência com o período eleitoral e o de não prejudicar a aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

A data de término não foi modificada, portanto os relógios deverão ser atrasados em uma hora na madrugada do dia 16 de fevereiro de 2019.

Criado em 1931 pelo então presidente Getúlio Vargas, o horário de verão tem como objetivo principal fazer com que a população aproveite melhor a luz natural na estação em que os dias ficam mais longos – e, assim, economizar energia elétrica. A medida é adotada desde então pelo Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e no Distrito Federal.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.