Tamanho do texto

Clientes da Oi, Claro, Sercomtel e Algar Telecom terão as maiores reduções, enquanto Telefônica sofrerá aumento; chamadas ficarão 0,4% mais baratas

Ligações de telefones fixos para aparelhos celulares vão ficar, em média, 0,4% mais baratas
Pixabay
Ligações de telefones fixos para aparelhos celulares vão ficar, em média, 0,4% mais baratas




As ligações de telefones fixos para aparelhos celulares vão ficar mais baratas, de acordo com uma decisão da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) divulgada nesta quarta-feira (12). A agência aprovou um reajuste tarifário que vai diminuir, em média, 0,4%, nas tarifas.

Leia também: Algum conhecido pediu dinheiro pelo WhatsApp? Cuidado: pode ser um clone

A medida vale tanto para ligações locais como de longa distância realizadas por assinantes dos planos básicos das concessionárias de telefonia fixa. De acordo com a Anatel, a revisão dos valores das chamadas devem começar a valer nos próximos dias, após a publicação dos preços atualizados no Diário Oficial da União.

Pela decisão, os clientes da AlgarTelecom são os que mais verão as contas ficarem baratas, já que a redução, para eles, é de 1,69%. A Telefônica , por outro lado, vai sofrer aumento de 0,76% no serviço.

Confira a lista completa dos custos em ligações fixo-móvel:

  • Algar Telecom: -1,69%
  • Oi: - 0,24% 
  • Claro: - 0,9%
  • Sercomtel: -0,1%
  • Telefônica: +0,76% 

Ligações ficam mais baratas e participam menos da inflação do País

Presidente da Anatel disse que redução no preço das ligações fixo-móvel ajuda a conter impacto inflacionário
Divulgação/Anatel
Presidente da Anatel disse que redução no preço das ligações fixo-móvel ajuda a conter impacto inflacionário


Segundo o conselheiro relator da agência, Aníbal Diniz, a medida do reajuste foi tomada em um momento em que os gastos com telefonia diminuíram de forma geral. O Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), indicador que mede a inflação oficial do País, acumula inflação de cerca de 4% nos últimos 12 meses. “Os gastos com serviços de telecomunicações estão pesando menos no bolso do consumidor brasileiro”, disse Diniz.

Leia também: Estimativa de inflação para o fim de 2018 cai pela sétima vez consecutiva

Ele também destacou que o peso do serviço de telecomunicações no INPC caiu de 4,6% pra 2,7%, sendo que uma diminiuição de 0,44% foi registrada nos últimos 12 meses.

Leia também: Celulares piratas serão bloqueados a partir de sábado em 10 estados

De acordo com presidente da Anatel , Leonardo de Morais, a decisão de revisar os valores das ligações de telefonia fixa para telefones móveis ajuda a reduzir o impacto inflacionário do setor e contribui com uma maior estabilidade do Real, além de auxiliar na manutenção do poder de compra dos brasileiros.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.