Tamanho do texto

Empresa também criou figuras para incluir pessoas com deficiência, além de imagens inéditas como flamingo, gambá, alho, maiô e até waffle; confira

Os usuários do sistema operacional Android poderão contar com novas carinhas para se comunicar pelos aparelhos eletrônicos. O novo pacote de Emoji 12.0 foi lançado nesta quarta-feira (8) com 230 novas imagens.

Novo pacote de Emoji 12.0
Reprodução/Emojipedia
Novo pacote de Emoji 12.0 já está disponível para a atualização do Android, o Android Q, em uma versão beta

A novidade nas ilustrações tem foco na diversidade: foram incluídas representações de emoji sem gênero específico, de pessoas com deficiência e casais inter-raciais.

Eles fazem parte da versão beta do Android Q , atualização lançada recentemente e que só está disponível para quem tem os celulares Google Pixel, e outros 15 aparelhos da Sony, OnePlus, Nokia e LG, e deve ser lançada no segundo semestre deste ano para o público em geral.

No início do ano, a Unicode já havia mostrado uma prévia de como seriam os emojis novos: com a inclusão desde pessoas com cadeira de rodas e usando bengalas, imagens de aparelhos auditivos, braços e pernas mecânicos, opções de casais com cores diferentes, além de imagens de flamingo, gambá, alho, maiô e até waffle.

Novo pacote de Emoji 12.0
Reprodução/Emojipedia
Novo pacote de Emoji 12.0 já está disponível para a atualização do Android, o Android Q, em uma versão beta

Leia também: 7 coisas que seu smartphone pode fazer e você não sabia

Os personagens sem gênero também foram criados para a atualização e contam com adaptações das figuras masculinas e femininas já existentes. Nesses caso, os emojis aparecem com um corte de cabelo curto e franja, sem que seja definido se é homem ou mulher. 

Há versões do desenho para fada, sereia, zumbi, vampiro e outras categorias. Veja:

Versões de emoji sem gênero
Divulgação/Google
Versões de emoji sem gênero foram criadas para a atualização do Android
Versões de emoji sem gênero
Divulgação/Google
Versões de emoji sem gênero foram criadas para a atualização do Android


Por ser uma versão experimental, os emojis podem sofrer modificações antes de serem lançados para todos os usuários.

Em entrevista ao site Fast Company, a designer do Google Jennifer Daniel não esclareceu como se referir ao novo emoji. "Não chamamos esse personagem de não-binário, terceiro gênero ou assexual — e nem de unissex".

Leia também: Facebook lança recurso para animar aniversários com cartões digitais nos Stories

A proposta desses desenhos é trazer inclusão, e reconhecer o gênero como um espectro, de forma que o emoji pode ser masculina, feminina ou outra identidade de gênero.