gamers
shutterstock
Mulheres são maioria dentre os gamers brasileiros


53,8% de todos os jogadores do Brasil são mulheres, revelou a 7ª edição da Pesquisa Game Brasil. Essa é a quinta vez consecutiva que mais da metade do público gamer no país é feminino. 

Leia também:

Com saudade dos amigos? Veja 7 jogos para se divertir com eles online

Jogo virou remédio: EUA autorizam prescrição médica de game para crianças

Plataforma de games pornô cresce 40% durante pandemia

Além disso, 69,8% das mulheres no Brasil jogam games eletrônicos em diversas plataformas. “Existe uma falsa noção de que os homens são os principais consumidores de jogos eletrônicos no Brasil, mas não apenas as mulheres representam a maioria deste público quanto também estão cada vez mais engajadas nos games, dos eSports aos consoles, passando pelo celular”, afirma Carlos Silva, Head de Gaming na Go Gamers, uma das realizadoras da pesquisa.

Público gamer hardcore ainda é masculino

A pesquisa divide os entrevistados entre aqueles cujo hábito de jogar é destacado dentro de suas preferências de entretenimento - os chamados hardcore -, e aqueles que possuem o hábito de jogar, mas com menor tempo e frequência - os chamados casuais

No Brasil, 67,5% dos jogadores é casual e 33,5% é hardcore. Dentre os hardcore, o maior público (61,3%) é masculino. 

Dentre as mulheres, 76,7% se identifica como gamer casual. A maior parte delas (69,8%) tem o celular como plataforma preferida para jogar.

    Veja Também

      Mostrar mais