Policiais em uma rua estreita no meio de casas
Arquivo pessoal
Policiais civis cumprem mandados de busca e apreensão na Bahia, durante Operação 404 do Ministério da Justiça


Uma operação contra a pirataria digital está sendo realizada nesta quinta-feira (5) em 10 estados. Foi estabelecido, por determinação judicial, o bloqueio ou suspensão de 252 sites e de 65 aplicativos de streaming . Também estão sendo cumpridos 25 mandados de busca e apreensão.


Os suspeitos capturavam o sinal e realizavam a retransmissão ilegal do conteúdo por meio de assinaturas de usuários, segundo apontou a investigação. O grupo também ganhava dinheiro com a veiculação de propagandas em sites piratas – com servidores em outros países.

A Justiça também determinou que o conteúdo fosse retirado de mecanismos de busca e que perfis e páginas em redes sociais fossem removidos. Com a medida, os sites ilegais deixam de aparecer em buscadores na internet.

Essa é a segunda fase da Operação 404, que teve a primeira fase deflagrada no ano passado . As informações são do Ministério da Justiça, que coordena a operação.

Participam as Polícias Civis dos seguintes estados: Bahia, Ceará, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Santa Catarina e São Paulo.

A ação conta ainda com apoio das embaixadas dos Estados Unidos e do Reino Unido.

O nome da operação faz referência ao chamado " Erro 404 " na internet, que ocorre quando o computador tenta acessar um site e o servidor onde este se encontra não consegue achá-lo, seja por questões de configuração para não exibir a página ou porque o site não existe mais.

    Veja Também

      Mostrar mais