Golpes em apps de relacionamento crescem
Unsplash/Alexander Sinn
Golpes em apps de relacionamento crescem

O dinheiro perdido em golpes  envolvendo relacionamentos românticos na internet subiu 50% em 2020, revela o Federal Trade Commission (FTC) dos Estados Unidos. No país, US$ 304 milhões foram roubados com esse tipo de golpe, o equivalente a cerca de R$ 1,6 bilhão.

Entre 2016 e 2020, o número de reclamações triplicou, enquanto a quantidade de dinheiro roubada aumentou mais de quatro vezes. As pessoas que tiveram maiores prejuízos financeiros têm 70 anos ou mais. Já o grupo que mais reportou fraudes do tipo em 2020 foi o de 40 a 69 anos.

De acordo com a empresa de cibersegurança ESET, os golpes românticos acontecem tanto em aplicativos de relacionamento quanto em redes sociais . Os criminosos estabelecem um relacionamento falso com as vítimas e o mantêm por um tempo.

Depois de conquistar a confiança, o golpista inventa uma história triste e pede ajuda financeira urgente. Quando a vítima transfere o dinheiro, o golpe está concluído.

Você viu?

"Para se proteger de golpistas que assombram esses sites e aplicativos de namoro online, bem como as mídias sociais, é importante estar sempre vigilante e atento a fotos falsas, promessas rápidas de amor eterno ou desculpas que você não pode cumprir, bem como a outros sinais reveladores de uma fraude em potencial", alerta Camilo Gutiérrez Amaya, chefe do Laboratório de Pesquisa da ESET na América Latina.

Abaixo, confira dicas dos especialistas da ESET para não cair nesse tipo de golpe :

  • Tenha cuidado com qualquer novo pedido de relacionamento. Antes de confiar na pessoa, evite compartilhar dados pessoais seus;
  • Reveja os dados da pessoa que entrou em contato com você;
  • Comapra as imagens da pessoa com pesquisas no Google , para descobrir se não se tratam de fotos falsas;
  • Não inclua sua localização nas conversas;
  • Não transfira dinheiro sem ter certeza de que conhece a pessoa e de que a situação é real. Emergências e contextos urgentes costumam ser utilizados em golpes;
  • Denuncie ao aplicativo ao à rede social comportamentos suspeitos ou ofensivos de outros usuários.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários