Rick e Morty vira alvo de hackers
Reprodução/Netflix
Rick e Morty vira alvo de hackers

O programa Rick e Morty tem se tornado uma isca para hackers invadirem dispositivos. A quinta temporada do desenho animado foi lançada no dia 20 de junho e, desde então, episódios falsos estão sendo distribuídos em toda a internet.

De acordo com a empresa de cibersegurança Kaspersky, os cibercriminosos colocam arquivos maliciosos para serem baixados, disfarçando-os de episódios de Rick e Morty. Além disso, sites de phishingprática que visa o roubo de dados - foram encontrados usando o nome do programa.

De acordo com os especialistas da empresa, apesar do golpe ser bastante conhecido, ele continua causando prejuízo às vítimas. Entre junho de 2020 e junho de 2021, a Kaspersky encontrou em trono de 350 episódios falsos de Ricky e Morty.

Na realidade, os links enviam vírus aos dispositivos das vítimas, que podem roubar dados ou até sequestrar informações. Já no caso das campanhas de phishing , os fãs do programa são convidados a preencherem dados bancários em sites falsos para "comprar" os episódios. Nessa prática, o dinheiro é roubado e o conteúdo não é exibido.

"Os cibercriminosos estão sempre procurando oportunidades para se beneficiar do interesse em entretenimento. Por muitos anos temos visto a criação de páginas falsas que oferecem transmissão de filmes ou séries esperadas pelo público. Por isso, ao procurar um novo episódio de sua série favorita, é importante lembrar as regras básicas da cibersegurança: sempre verifique a autenticidade dos sites antes de inserir dados pessoais, além de sempre usar sites e streamings oficiais para assistir filmes, séries e programas", aconselha Fabio Assolini, analista sênior de segurança da Kaspersky.

Confira algumas dicas para se proteger de golpes como o de Rick e Morty :

  • Confira se um site é verdadeiro antes de inserir dados pessoais, e só faça downloads em fontes oficiais. Confira a ortografia usada na URL, já que algumas letras podem ser trocadas em links para enganar os usuários (um 'i' maiúsculo, por exemplo, pode ser confundido com um 'L' minúsculo);
  • Confira o formato dos arquivos antes de baixá-los. Se eles terminarem em '.exe' ou '.msi', não se tratam de vídeos;
  • Tenha sempre um bom antivírus instalado e atualizado em todos os seus dispositivos;
  • Evite clicar em links que prometem acesso antecipado a séries e filmes inéditos.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários