Twitter sofreu mega ataque em 2020
Unsplash/Sara Kurfeß
Twitter sofreu mega ataque em 2020

Um britânico de 22 foi preso acusado de ser um dos participantes do mega ataque ao Twitter em 2020 , que invadiu cerca de 130 contas de empresas, celebridade e políticos. Joseph O'Connor foi preso na Espanha nesta quarta-feira (21), depois de uma ordem emitida por um tribunal federal dos Estados Unidos.

Nesta quinta-feira (22), um juiz espanhol determinou prisão preventiva por avaliar "risco de fuga, devido à falta de raízes e à gravidade dos acontecimentos", de acordo com a AFP. Os crimes pelos quais ele é acusado são acesso não autorizado a computadores, extorsão e assédio cibernético.

Na ocasião do ataque cibernético , os hackers invadiram contas de famosos no Twitter e publicaram uma mensagem falsa de "retorno em dobro" para quem enviasse bitcoins a um site. O golpe lucrou dinheiro ao usar a falsa propriedade de pessoas influentes.

Em março deste ano, um adolescente da Flórida (EUA) foi acusado de arquitetar todo o ataque , e deve cumprir pena de três anos de reclusão. Outros dois jovens ainda são acusados de envolvimento no caso: Mason Sheppard, do Reino Unido, e Nima Fazeli, de Orlando, nos EUA.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários