WhatsApp é multado na Europa
Unsplash/Alexander Shatov
WhatsApp é multado na Europa

O WhatsApp foi multado em € 225 milhões (R$ 1,3 bilhão em conversão direta) pela autoridade digital da Irlanda nesta quinta-feira (2). A multa é resultado de uma investigação iniciada em 2018 por uma solicitação do comitê europeu de proteção de dados, a respeito do uso de informações pessoais dos usuários do mensageiro.

Segundo a decisão do órgão irlandês, o WhatsApp não informou corretamente como os dados dos usuários são compartilhados com outras empresas do grupo Facebook, do qual o mensageiro faz parte. A multa ocorreu na Irlanda porque é no país que fica a sede europeia do Facebook.

Esta é a segunda maior multa já aplicada na Europa em relação à proteção de dados. O recorde é da Amazon, que foi multada em cerca de R$ 4,5 bilhões  em julho deste ano.

Além da multa, o WhatsApp tem três meses para corrigir os problemas apontados pela investigação. O mensageiro terá que esclarecer as informações em sua política de privacidade e enviar avisos para pessoas que não usam o aplicativo alertando que seus contatos podem ser enviados através do mesmo por outros usuários.

Em nota à agência France-Presse, o WhatsApp disse que vai recorrer da decisão. "Não concordamos com a decisão sobre a transparência que proporcionamos às pessoas em 2018 e as sanções são totalmente desproporcionais. O WhatsApp tem o compromisso de fornecer um serviço seguro e privado. Trabalhamos para garantir que as informações que fornecemos sejam transparentes e completas e continuaremos fazendo isso", declarou um porta-voz da plataforma.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários