Google respondeu a solicitações do governo local
Unsplash/Kai Wenzel
Google respondeu a solicitações do governo local

O Google forneceu dados de usuários ao governo de Hong Kong em 2020, mesmo após afirmar que não faria, de acordo com o Hong Kong Free Press. Informações foram compartilhadas com as autoridades em três situações distintas.

Ao Hong Kong Free Press, o Google afirmou que enviou dados em resposta a três das 43 solicitações que recebeu do governo local em 2020. Dois pedidos eram referentes a investigações sobre tráfico de pessoas, enquanto o terceiro era uma emergência relacionada à uma ameaça à vida de alguém. A empresa afirmou, ainda, que nenhum dos três casos incluía dados de conteúdo dos usuários.

Em agosto do ano passado, o Google afirmou que iria parar de responder a solicitações de dados vindas do governo de Hong Kong, a não ser que elas tivessem cooperação com o Departamento de Justiça dos Estados Unidos.

A decisão foi tomada após uma  nova lei de segurança nacional de Hong Kong imposta pela China, que incluiu a sentença de prisão perpétua em casos de subversão. Assim, dados pessoais poderiam ser usados para acusar, por exemplo, manifestantes políticos.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários