iPhone 13
Divulgação/Apple
iPhone 13

proposta da União Europeia de padronizar as entradas de smartphones no modelo USB-C pode resultar em um iPhone sem entrada. A Apple atualmente utiliza seu padrão próprio, o Lightning, e será a maior afetada caso a proposta se torne lei, tendo que fazer mudanças em dispositivos.

Ao The Verge, um porta-voz da Comissão Europeia disse que, de acordo com a nova proposta, se um dispositivo carregar apenas sem fio, não há a necessidade de ele cumprir o padrão e inserir uma entrada USB-C.

Se o projeto virar lei, as empresas terão 24 meses para se adequar à nova regra. Isso dá à Apple tempo o suficiente para desenvolver iPhones sem qualquer entrada, o que já vem sendo especulado há algum tempo.

Desde que a Apple tirou a entrada jack de fone de ouvido no iPhone 7, dizendo que os fones de ouvido sem fio eram o futuro, há especulações de que a companhia faça o mesmo com os carregadores a qualquer momento.

No caso da linha iPhone 13, grande parte dos analistas apostavam que a Apple lançaria os celulares sem qualquer entrada. Nesse caso, a única opção dos usuários seria partir para o carregamento sem fio.

No início do ano, o analista Ming-Chi Kuo disse que era mais fácil a Apple partir para o carregamento sem fio do que adotar a entrada USB-C. "Se o ‌iPhone‌ abandonar o Lightning no futuro, ele pode adotar diretamente um design sem porta com suporte ‌MagSafe‌ em vez de usar uma porta USB-C", apostou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários