Elon Musk defende que qualquer pessoa pode ir a Marte
Reprodução/Instagram
Elon Musk defende que qualquer pessoa pode ir a Marte

O bilionário Elon Musk afirmou que "qualquer um pode trabalhar e economizar" US$ 100 mil (cerca de R$ 470 mil, em conversão direta) para ir a Marte. Segundo ele, esse seria um valor acessível para as pessoas pagarem para irem ao planeta vermelho.

"Se você falar o que é necessário para levar pessoas e carga suficientes para Marte para construir uma cidade autossustentável, tem que pensar no grupo de pessoas que quer ir. Uma pequena porcentagem irá querer, poderá se dar ao luxo ou conseguir patrocínio. Mas precisa ser um milhão de pessoas. Acho que os governos vão pagar por isso e as pessoas poderão fazer empréstimos", disse Musk nesta segunda-feira (18), em entrevista para o chefe das conferências TED, Chris Anderson.

Em seguida, o bilionário disse que se as passagens custassem US$ 100 mil, qualquer pessoa poderia ir. "Se os custos da mudança para Marte são, para fim de argumentação, US$ 100 mil, então acho que você sabe que qualquer um pode trabalhar e economizar e, eventualmente, ter o dinheiro e poder ir para Marte, se quiser. Queremos disponibilizar para quem quiser ir", afirmou.

Dados mostram que Musk foge da realidade quando diz que "qualquer um" pode juntar US$ 100 mil. Trazendo a conta para o cenário nacional, o Brasil tem  14,7 milhões de pessoas com renda per capita de até R$ 89 mensais . Se essas pessoas não gastassem esse dinheiro com mais nada, ainda demorariam 440 anos para juntarem US$ 100 mil. Com o salário mínimo, seriam 32 anos sem gastar um centavo sequer.

Há anos, Musk defende que a passagem para Marte terá um preço "acessível" através da sua empresa de exploração espacial SpaceX. Em 2019, ele afirmou, em uma publicação no Twitter, que o valor de US$ 100 mil é viável.

Leia Também

"Estou confiante de que a mudança para Marte (a passagem de volta é gratuita) um dia custará menos de US$ 500 mil e talvez até menos de US$ 100 mil. Baixo o suficiente para que a maioria das pessoas em economias avançadas possa vender sua casa na Terra e se mudar para Marte, se quiser", escreveu.

Na entrevista a Chris Anderson, Musk acrescentou que a ida para Marte pode prolongar a existência humana. "A civilização humana pode chegar ao fim por razões externas por um meteoro gigante, mudanças climáticas extremas, ou Terceira Guerra Mundial. Podem ser por várias razões. É importante ressaltar que Marte, principalmente no início, não será luxuoso. Será um trabalho perigoso, árduo, difícil e você pode não conseguir voltar. Mas será glorioso", afirmou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários