Olhar Digital

Twitter arrow-options
shutterstock
Twitter bane usuários que divulguem fake news sobre coronavírus


O Twitter suspendeu permanentemente o site Zero Hedge de sua plataforma. O portal búlgaro , que trata de assuntos relacionados ao mercado financeiro, publicou fake news vinculando um cientista chinês – e seus dados verdadeiros – à epidemia do coronavírus .

O banimento não foi devido, exclusivamente, à notícia falsa , mas sim ao tipo de fake news , já que a informação faz aumentar o crescente preconceito contra cidadãos chineses em meio ao cenário atual.

Leia também: Facebook irá remover conteúdos falsos e boatos sobre surto de coronavírus

Inicialmente, o Zero Hedge achou que a suspensão havia se dado em decorrência de um artigo publicado na última sexta-feira (31) no qual o portal conspirava sobre um possível acobertamento do vírus.

Posteriormente, o site informou que o Twitter recebeu uma denúncia do BuzzFeed sobre o artigo intitulado “É este o homem por trás da pandemia global de coronavírus?”, que fala do vírus como uma arma biológica criada em laboratório.

Leia também: Coronavírus ameaça crescimento da produção de iPhones em 2020

À Reuters , o Twitter confirmou que suspendeu a conta do Zero Hedge permanentemente por violação da “política contra manipulação” da plataforma.

Ainda na semana passada, o Twitter declarou que “aqueles que engajarem em tentativas coordenadas de disseminar informação falsa sobre a crise de coronavírus serão removidos do serviço”.

O BuzzFeed , por sua vez, ainda não comentou o assunto.

    Veja Também

      Mostrar mais