Olhar Digital

aplicativos Facebook
Unsplash/ROBIN WORRALL
Aplicativos maliciosos foram excluídos


A empresa de segurança Evina descobriu 25 aplicativos disponibilizados na Play Store do Android que, apesar da aparência inofensiva, contavam com malwares que poderiam até mesmo hackear uma conta do Facebook .


Os apps se apresentavam como software para algumas tarefas básicas, incluindo lanternas, pedômetros, editores de imagens e mais. Mas, de acordo com a Evina, todos eram basicamente o mesmo aplicativo que não realizava nenhuma das funções anunciadas na página de downloads e ainda tinham códigos feitos para roubar dados de login do Facebook.

Os aplicativos maliciosos já foram removidos da loja pelo Google . Isso significa que, na maioria dos casos, os apps também foram apagados dos aparelhos que tinham eles instalados. Ainda assim, é bom conferir se você tem algum deles. Confira abaixo a lista dos 25 apps, oferecida pela Evina:

  • Super Wallpapers Flashlight
  • Padenatef
  • Wallpaper Level
  • Contour level wallpaper
  • iPlayer & iWallpaper
  • Video Maker
  • Color Wallpapers
  • Pedometer
  • Powerfull Flashlight
  • Super Bright Flashlight
  • Super Flashlight
  • Solitaire Game
  • Accurate scanning of QR code
  • Classic card game
  • Junk file cleaning
  • Synthetic Z
  • File Manager
  • Composite Z
  • Screenshot Capture
  • Daily Horoscope Wallpapers
  • Wuxia Reader
  • Plus Weather
  • Anime Live Wallpaper
  • iHealth Step Counter
  • com.tqyapp.fiction

Roubo de credenciais

Apesar de oferecer tarefas básicas, os aplicativos tinham como principal objetivo roubar dados de login do Facebook . Após a instalação, quando o usuário iniciava o app, dava de cara com uma página de login da rede social.

O problema é que a página era falsa. Caso o usuário realmente entrasse com as credenciais, elas eram enviadas para servidores dos hackers .

Alguns usuários também relatam que os apps exibiam uma série de anúncios em janelas pop-up e notificações, o que poderia até mesmo drenar a bateria do celular.

Perigo constante

Apesar dos esforços do Google para manter a loja de apps do Android segura, o fato é que é bastante comum que aplicações maliciosas sejam oferecidas em meio a aplicativos genuínos dentro da plataforma.

No fim de junho, a Avast encontrou 47 aplicativos da família HiddenAds (aplicações que forjam ser seguras, mas que possuem a finalidade de exibir anúncios intrusivos fora da aplicação) na loja de apps - parte deles foi removida logo após o alerta dos pesquisadores.

    Leia tudo sobre: aplicativo facebook

    Veja Também

      Mostrar mais