Olhar Digital

Apple lança novidade para transferência de fotos
Unsplash/zhang kaiyv
Apple lança novidade para transferência de fotos



A Apple anunciou um novo serviço que permite a um usuário transferir fotos do iCloud para o Google Fotos . Algo que pode ser muito útil para quem está migrando do iOS para o Android , ou simplesmente prefere usar o serviço do Google.

Você viu?

O recurso não está no iOS, nem no aplicativo Fotos. É preciso ir a privacy.apple.com, fazer login com seu Apple ID e selecionar a opção “Transfer a copy of your photos and videos” (transfira uma cópia de suas fotos e vídeos).

Selecione “Google Photos” no destino, indique o que você quer transferir (fotos, vídeos ou ambos) e pronto. Segundo a Apple, a transferência leva entre três dias a uma semana. Em caso de dúvidas, um documento de suporte (em inglês) no site da empresa tem um passo-a-passo.

Não há motivo para ter medo de perder os dados no iCloud : a transferência cria uma cópia deles no Google Fotos , e deixa as fotos e vídeos originais intactos. Mas fique atento: nem tudo é transferido.

Segundo a Apple, álbuns compartilhados, álbuns inteligentes, photo stream, live photos, alguns metadados e mídia que não esteja em sua biblioteca do iPhoto no iCloud (por exemplo, imagens do WhatsApp ) não são copiados. Se uma imagem tiver sido editada, apenas a versão mais recente é transferida, e não a original. Duplicatas são ignoradas.

Obviamente, é necessário ter espaço suficiente em sua conta do Google Fotos para que a transferência seja concluída. A própria página na qual a transferência é solicitada dá uma estimativa do tamanho do conteúdo.

Vale lembrar que o Google mudou sua política de armazenamento gratuito há alguns meses. Antes, havia espaço ilimitado para fotos desde que elas fossem transferidas no que o Google Fotos chama de qualidade “alta”. Agora, cada imagem ocupa a sua cota de armazenamento (15 GB nas contas gratuitas), não importa a qualidade.

Infelizmente, no momento o serviço só está disponível a usuários na Austrália, Canada, União Europeia, Islândia, Liechtenstein, Nova Zelândia, Noruega, Suíça, Reino Unido e EUA.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários