Instagram cria novas opções para filtrar conteúdo abusivo
Unsplash/Claudio Schwarz
Instagram cria novas opções para filtrar conteúdo abusivo



O Instagram anunciou, em um comunicado publicado em seu blog oficial, novas funções que promoverão melhor filtragem de conteúdo abusivo e discurso de ódio para seus usuários. As novidades devem começar a aparecer em vários países ao longo das próximas semanas, com um lançamento global programado para maio de 2021.

As funções anunciadas são parte de um esforço do Facebook – dono do Instagram – para combater perseguições e disseminação de conteúdos extremos, como posts, comentários e mensagens racistas, LGBT-fóbicas, machistas ou que tragam disseminação de fake news ou golpes executados por hackers .

A primeira, e possivelmente a mais evidente, novidade refere-se à ampliação do sistema de filtragens de comentários abusivos na rede social , que também passará a contemplar as mensagens diretas que você recebe de forma privada. Assim como já faz nos comentários, o Instagram agora vai impedir a visualização de conteúdo abusivo na sua caixa de entrada, por meio de uma lista pré-determinada de termos, caracteres e emojis contidos no texto da mensagem ou no nome do usuário que a enviar.

Você viu?

Mais além, você também terá a opção de criar uma lista customizada de termos que você próprio gostaria de incluir na filtragem, ampliando seu controle sobre quem pode entrar em contato com o seu perfil. Uma vez capturadas pelo Instagram , todas as mensagens da filtragem serão enviadas a uma pasta escondida de pedidos de contato, onde você poderá revisá-las e determinar se constituem conteúdo abusivo. A partir daí, você terá opções de ações variadas, como aceitar a mensagem, deletá-la e/ou denunciar quem a enviou.

Segundo a plataforma, a filtragem de conteúdos abusivos é realizada de forma local, dentro do dispositivo do usuário. Basicamente, isso assegura o respeito à sua privacidade , uma vez que nada do que você determinar ou fizer será enviado de volta aos servidores da empresa.

Mais além, o Instagram vai dificultar a vida de usuários que querem entrar entrar em contato com você mesmo após serem bloqueados: o post não detalha isso de forma específica, mas menciona a criação de uma nova opção que lhe permitirá barrar contatos feitos por novas contas.

Finalmente, erros mais comuns de ortografia (usados propositalmente por contas que buscam mencionar termos ofensivos sem o fazer expressamente, como usar o número “0” no lugar da letra “o”, por exemplo) serão banidos pela rede social , com base em sua lista de termos a evitar.

Além destas novidades, outros recursos estão a caminho: as conversas devem ganhar criptografia de ponta a ponta, um novo adesivo “Collab” (termo usado por influenciadores que colaboram em produções conjuntas) e a capacidade de salvar rascunhos dos seus stories .

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários