Tinder lança ferramenta para chegar antecedentes criminais
Unsplash/Kon Karampelas
Tinder lança ferramenta para chegar antecedentes criminais

O Tinder lançou nesta quarta-feira (9) uma ferramenta integrada ao aplicativo que permite que usuários chequem os antecedentes criminais das pessoas com quem estão conversando. Por enquanto, a novidade funciona apenas nos Estados Unidos,  já que faz parte de uma parceria com a Garbo, uma uma organização sem fins lucrativos local que realiza verificações de antecedentes online.

Diretamente no aplicativo, usuários poderão verificar antecedentes criminais relacionados a comportamentos violentos. De acordo com o Tinder, aparecerão apenas resultados "relevantes para a segurança do usuário", deixando de fora acusações de posse de drogas, por exemplo. Informações pessoais, como endereço e número de telefone, também não aparecerão nos resultados.

Cada usuário poderá fazer apenas duas pesquisas gratuitamente. Depois disso, uma taxa de US$ 2,50 será cobrada por pesquisa, dinheiro que será direcionado a financiar a Garbo.

As pessoas que se depararem com outras com antecedentes relacionados à violência serão incentivadas pela plataforma a denunciar o usuário no Tinder. Além disso, a empresa afirma que cuidados ainda devem ser tomados, já que uma "ficha limpa" não significa que a pessoa é confiável.

Por enquanto, o Tinder não informou se pode lançar recursos similares em outros países, como o Brasil.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários