Anúncio do Facebook em parceria com a Ray-Ban
Divulgação
Anúncio do Facebook em parceria com a Ray-Ban

O Facebook e a Ray-Ban revelaram nesta terça-feira (7) o teaser sobre um anúncio a ser feito no dia 9 de setembro, próxima quinta. Como já entrega a imagem do convite, provavelmente trata-se da apresentação dos óculos de realidade aumentada  da empresa de Mark Zuckerberg, prometidos em 2020. Vídeos publicados pelo chefe de AR/VR do Facebook, Andrew Bosworth, mostram ainda o que parecem gravações feitas com os novos dispositivos.

Você viu?

Como notou o The Verge, as publicações de Bosworth no Twitter mostram cenas de ponto de vista do próprio Andrew e de Zuckerberg durante atividades esportivas, como uma partida de golfe e pescaria em um barco (com as duas mãos ocupadas e, portanto, sem um smartphone para gravar a situação).

Os vídeos, que não vêm com explicações adicionais além de um emoji com óculos escuros, parecem indicar que os dispositivos inteligentes, provavelmente usados para captar as imagens, resistem aos cenários mais adversos, ficando presos ao rosto mesmo durante a prática esportiva.

A Ray-Ban diz em seu site que "esta é uma história que você vai querer seguir" (em tradução livre) — o que obviamente é uma referência para os Stories da rede social. Portanto, é bem provável que os óculos estejam realmente prontos para o mercado e se integrem à sua conta do Facebook ou Instagram para publicações imediatas. Resta saber por quanto — e se chegam ao Brasil.

Óculos inteligentes são um passo para imersão em AR

Ainda não há muitos detalhes sobre o que os novos óculos do Facebook serão capazes de fazer. Apesar disso, a empresa garante que o design terá o formato "icônico" dos produtos da Ray-Ban e "permitirá que você faça coisas bem legais". A big tech afirma ainda que os dispositivos "combinarão tecnologia inovadora com estilo moderno e ajudarão as pessoas a se conectar melhor com amigos e familiares".

Na época do anúncio da parceria com a controladora da Ray-Ban, EssilorLuxottica, a rede social afirmou que este seria apenas um passo para uma projeto bem maior, que deve resultar no metaverso proposto por Mark Zuckerberg.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários